Dedetização e Controle de Pragas

Central de Atendimento: 0800 704 1528      |

Redes Sociais:
  

Central de Atendimento:

3 Doenças Perigosas Causadas pela Falta de Manejo de Morcegos

Manejo de morcegos é necessário porque eles transmitem doenças sérias

A convivência com os morcegos poderia ser pacífica. Porém, essas pragas urbanas transmitem doenças por meio de vírus e bactérias que adoecem homens e animais. Por isso o manejo de morcegos é um serviço essencial para evitar esse problema.

Como falamos aqui, eliminar morcegos por conta própria configura-se crime ambiental, além de ser perigoso. Os animais tentam se desvencilhar a todo momento e podem morder e arranhar, tornando a contaminação possível. O ideal é realizar o manejo de morcegos com técnicos especializados.

Antes de tudo é essencial conhecer as doenças que podem ser contraídas por humanos e pelos animais de estimação. Após o ataque do mamífero, você deve procurar atendimento médico rapidamente.

Isso porque no hospital existem soros e vacinas contra as doenças mais comuns transmitidas pelos morcegos.

O manejo de morcegos é essencial, principalmente quando há proximidade de áreas silvestres

A Mata Atlântica, por exemplo, possui uma grande quantidade de morcegos que ajudam a regenerar as florestas. Porém essa proximidade pode acabar fazendo com que essas pragas procurem abrigos nos centros urbanos.

Dessa forma, se houver uma infestação, o perigo está instalado. É o resultado da falta de manejo de morcegos.

CONHEÇA 3 DOENÇAS TRANSMITIDAS PELOS MORCEGOS

1. RAIVA

A raiva é uma doença viral transmitida por morcegos. Se não houver pronto atendimento, ela pode ser 100% fatal. A maior parte dessa doença é aumentada pelos morcegos hematófagos, mas os outros podem passá-la para frente também, se forem contaminados pelos primeiros.

Os sintomas são: febre, dor de cabeça, falta de apetite, ansiedade, dores no corpo, convulsão, hidrofobia.

2. HISTOPLASMOSE

Já a histoplasmose é uma doença infecciosa transmitida pelos esporos no ar, misturados com secreções e excrementos dos morcegos. Algumas pessoas não possuem sintomas, mas para outras podem causar sérias complicações. A enfermidade ataca pulmões, sistema gastrointestinal e nervoso central.

Os sintomas são: dor de cabeça e no peito, calafrio, tosse seca, sudorese, febre. Pode ser confundida com pneumonia e tuberculose. Por isso é importante ter um atendimento médico o quanto antes para verificação.

3. EBOLA

Se você visitar um país exótico cuidado ao comer carne de morcego. Ela pode estar infestada com o vírus ebola, que é altamente perigoso. Em 2018 foi encontrada uma nova versão do vírus em Serra Leoa. Os morcegos são hospedeiros do vírus.

Os sintomas são: dores pelo corpo, diarreia com sangue, náusea, vômito com sangue, fadiga, mal-estar, tremor, olhos vermelhos, entre outros.

Solicite orçamento para manejo de morcegos

Conte com a Uniprag, que possui mais de 200 anos de experiência no mercado de pragas e vetores, para realizar o manejo de morcegos.

É essencial contar com uma equipe especializada e que está a par da legislação para a realização do controle de morcegos de forma segura e profissional. Entre em contato e solicite um orçamento sem compromisso conosco!

LIGUE PARA A UNIPRAG MAIS PRÓXIMA DE VOCÊ

Ou envie-nos uma mensagem pelo formulário abaixo:

Print Friendly, PDF & Email

Pin It on Pinterest

Share This