Central de Atendimento: 0800 704 1528      |

Redes Sociais:
  

Central de Atendimento:

DESRATIZAÇÃO

Depois do homem, ele é o mamífero mais bem sucedido do mundo. Circulam há milhares de anos, são retratados como amáveis e superdotados nos desenhos animados, e “infestam” tanto a história mundial que até a Bíblia fala sobre eles (nada muito sagrado, não se preocupe). A presença de ratos e camundongos nas áreas urbanas constitui ameaça à saúde pública em virtude do papel que eles têm na transmissão de pelo menos 55 enfermidades a humanos e seus animais domésticos, dentre as quais se destacam a leptospirose, febre tifoide e a salmonelose. Encontrou motivos suficientes para combater os roedores? Você tem muitos outros importantes.

Cinco minutos de pesquisa na internet e você já enumera uma infinidade de motivos para eliminar ratos, ou preferencialmente, não contribuir com seu crescimento populacional. A desratização dos ambientes se torna portanto uma medida obrigatória, pois diversas áreas (como vistas nessas imagens), não podem e devem receber a visita indesejável dos roedores, ainda que as autoridades sanitárias permitam uma quantidade de pelos de ratos e fragmentos de insetos em diversos alimentos processados.

A equipe técnica da UNIPRAG realiza estudo das condições ambientais do local a ser tratado, ataca as causas da incidência da praga e utiliza as mais atrativas e inovadoras iscas nesse tipo de tratamento. Levamos até você substâncias altamente seguras e adequadas para cada espécie de roedor, instaladas com protetores de iscas especiais (porta-iscas), identificação de pontos em padrões internacionais (alerta bilíngüe), túneis adesivos, ratoeiras profissionais, e mapeamento completo da área, tudo para conferir maior segurança ao ambiente e à saúde das pessoas e animais que não são alvo do controle.

Atendimento Rápido!

ou pela Central de Atendimento: 0800 704 1528

ou pela Central de Atendimento: 0800 704 1528

Um outro dado acaba chamando atenção. O controle das ratazanas e ratos de forro pode significar também a preservação de uma imensa quantidade de alimentos que acaba sendo consumida por eles em estoques de grãos e outros produtos. Afora tudo que consomem, os ratos acabam contaminando os alimentos com fezes, urina, os tornando impróprios para o consumo humano.

A soma desses percentuais (consumo e contaminação), embora não seja um dado preciso, é estimada em 10%, e aceita com boa dose de bom senso por diversos órgãos e autoridades no mundo inteiro.

Independente de percentual, o fato é que o problema existe e a solução precisa ser muito mais abrangente que a mera manipulação química de combate as populações de roedores.

Medidas de Controle:

Controle químico: A desratização realizada com uso de raticidas é um dos métodos mais utilizados e bastante eficaz quando se empregam as técnicas corretas e as formulações apropriadas. No Brasil existem diversas formulações de raticidas, na forma de pellets, granulados, grãos impregnados, blocos parafinados e pós de contato. Todos esses produtos têm ação anticoagulante, matando os roedores por hemorragia.

Seu uso é bastante seguro, possuem antídoto e nossos técnicos estão capacitados a utilizar a melhor técnica para a resolução do seu problema.O número de tratamentos necessários à eliminação de uma infestação depende de diversos fatores. O intervalo entre esses tratamentos podem variar bastante a partir da análise dos diversos itens.

Os raticidas anticoagulantes têm ação lenta e após o consumo, os ratos demoram cerca de uma semana para morrer. Debilitados, os roedores muitas vezes têm dificuldade de voltar para seu abrigo e acabam por ficar mais expostos dando a impressão de que seu número aumentou.

Métodos não químicos: Em pequenas infestações é possível se controlar os roedores com a utilização de armadilhas especiais que são a evolução das ratoeiras, estações adesivas (placas de cola) ou outros dispositivos de captura.

Manejo:
A presença de ratos num ambiente pressupõe a existência de condições que favorecem sua vida, tais como água, alimento, abrigo ou acesso. O ambiente pode ser protegido contra a invasão desses seres repugnantes através de pequenos reparos e adequações: limpeza e organização, correto acondicionamento do lixo, instalação de telas, barreiras de metal fixadas a base de portas, vedação de vãos junto a canos, eliminação de vazamentos, fios e cabos que dificultem a entrada de ratos.

Nem sempre existem condições de se eliminar totalmente essas condições favoráveis, mas os técnicos da UNIPRAG estão capacitados a orientar você sobre a melhor maneira de evitar a convivência com hóspedes tão desagradáveis, quaisquer que sejam os níveis de infestação, temos condições de oferecer um método de controle eficaz e seguro para sua empresa ou sua residência.

Na metodologia da UNIPRAG a desratização começa com uma rigorosa inspeção prévia com o objetivo de se definir a espécie infestante, a desenvoltura da infestação e os prováveis pontos de acesso dos roedores.

Com base nas informações apuradas escolhemos a estratégia de controle mais adequada à proteção de sua saúde e seu patrimônio.

 Ratos

Os roedores compreendem 2000 espécies que representam cerca de 40% das espécies de mamíferos existentes. Destas, apenas cerca de 50 espécies são consideradas como pragas globalmente, a maioria concentrada na família Muridae.

UNIPRAG

A Uniprag é uma empresa de controle de pragas com atuação nacional, criada com o objetivo de oferecer soluções eficazes com o máximo de segurança para a saúde das pessoas e para o meio ambiente.

Certificada em seu sistema de gestão da qualidade conforme a norma NBR ISO 9001:2008, a UNIPRAG possui o maior e mais qualificado corpo técnico do mercado, oferecendo soluções inovadoras, pensando globalmente e agindo de forma localizada com rapidez e qualidade.

LIGUE PARA A UNIPRAG MAIS PRÓXIMA DE VOCÊ

Ou envie-nos uma mensagem pelo formulário abaixo: