Central de Atendimento: 0800 704 1528      |

Redes Sociais:
  

Central de Atendimento:

Procedimentos e Orientações – Manejo de pombos e pardais

Pombos e pardais, embora não façam parte da fauna nativa brasileira, são protegidos pelo IBAMA, não podendo ser abatidos sem justificativa e licença específica. Os pombos são portadores   de ectoparasitas como piolhos, percevejos, ácaros, carrapatos, além de moscas que infestam seus abrigos e ninhos. Ao penetrarem nas edificações podem causar alergias e dermatites, além de serem transmissores de doenças como histoplasmose, meningite criptocócica, encefalite, etc.

Ciclo biológico resumido

 Os pombos são aves de vida longa, podendo viver até 20 anos. São monógamos vivendo com o parceiro escolhido até o fim da vida. A fêmea coloca  dois ovos por vez podendo cada casal criar até 10 filhotes por ano.

Medidas preventivas

– O manejo adequado de restos alimentares, rações, o acondicionamento correto do lixo são medidas relevantes no controle de pombos.
]- Realizar a remoção periódica de ninhos, com coleta e descarte dos ovos e limpeza dos pontos onde os pássaros se abrigam.
– Não alimentar as aves.

    CATEGORIAS:
Dicas Legislação Notícias

LIGUE PARA A UNIPRAG MAIS PRÓXIMA DE VOCÊ

Ou envie-nos uma mensagem pelo formulário abaixo: